Esposa de Galo, Géssica nega ter participado do incêndio ao Borba Gato: 'estava cuidando da minha filha' (vídeo)

A defesa de Géssica pedirá conversão da prisão temporária em domiciliar, já que ela é responsável pelos cuidados da filha de 3 anos. "Prenderam uma mãe. E ela nem sequer estava presente no ato. A prisão é absolutamente sem sentido"

Géssica de Paula Silva Barbosa e Paulo Galo
Géssica de Paula Silva Barbosa e Paulo Galo (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Esposa de Paulo Galo, líder dos entregadores de aplicativos, Géssica de Paula Silva Barbosa negou ter participado do ato que incendiou a estátua de Borba Gato, bandeirante explorador de indígenas, em São Paulo no último sábado (24). Em razão do protesto, Galo e Géssica foram presos nesta quarta-feira (28).

Em vídeo obtido pelo UOL, ela diz que cuidava da filha de três anos em casa no momento do ocorrido. "Eu estava na minha casa, cuidando da minha filha e do meu irmão. Não sei por que fui detida. Estou indignada".

Géssica também diz no material estar preocupada com a filha, que teve de ficar sob os cuidados da sogra. "Estou aqui para ser ouvida. Não sei como vou sair ou quando vou sair. O sistema Judiciário está sendo falho por não apurar, por não ter provas [do seu envolvimento no incêndio à estátua]. Estou aqui e preciso de ajuda das pessoas".

PUBLICIDADE

O advogado Jacob Filho, que atua na defesa de Géssica, solicitará conversão da prisão temporária em domiciliar, visto que ela é responsável pelos cuidados da filha do casal. "Prenderam uma mãe. E ela nem sequer estava presente no ato. A prisão é absolutamente sem sentido".

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email