Pimenta: Carla Zambelli entrega prova que faltava sobre interferência da Bolsonaro na PF

O deputado Paulo Pimenta (PT-RS) fez referência ao fato de a deputada Carla Zambelli (PSL-SP) ter tido informação privilegiada sobre a operação da PF no estado do Rio, governador por Wilson Witzel, potencial adversário de Jair Bolsonaro na eleição presidencial de 2022

(Foto: Agência Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) afirmou que, "ao anunciar operação na véspera, Carla Zambelli entrega prova que faltava sobre interferência da Bolsonaro na PF". 

A parlamentar do PSL-SP teve informação privilegiada e citou a operação da Polícia Federal na véspera de ação na residência oficial do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. A Operação Placebo investiga gastos de R$ 1 bilhão na construção de hospitais de campanha durante a pandemia no Rio. 

Deputados aliados de Jair Bolsonaro comemoravam investigação contra Wilson Witzel (PSC-RJ) antes de os carros da PF saírem às ruas no Rio. 

A PF emitiu uma nota apenas reforçando o objetivo da operação e não citou Witzel. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247