Apenas 21,8% dos municípios brasileiros possuem mamógrafo disponível

De acordo com o presidente da Abramed, Wilson Shcolnik, “os dados indicam que muitas mulheres não terão acesso ao diagnóstico precoce, o que lhes daria a melhor chance de um tratamento”, afirma

Mamógrafo
Mamógrafo (Foto: Daniel Guimarães/a2img)

247 - Estatísticas da Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed) mostram que somente 21,8% dos 5.570 municípios possuem ao menos um equipamento de mamografia disponível para a população, seja na esfera pública ou privada. Os dados são de 2018.

O Sudeste concentra 47,44% dos mamógrafos do Brasil. Em seguida estão Nordeste, com 22,2%, e Sul, com 15,7%. Centro-Oeste e Norte apresentam taxas de 8,5% e 6%, respectivamente. 

De acordo com o presidente da Abramed, Wilson Shcolnik, “os dados indicam que muitas mulheres não terão acesso ao diagnóstico precoce, o que lhes daria a melhor chance de um tratamento”, afirma. Seu relato foi publicado na coluna de Mônica Bergamo

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247