Apoiadores de Bolsonaro vão às ruas para formar carreatas e protestos contra isolamento social

Carreatas acontecem em São Paulo, Salvador, Manaus e Brasília. Além de Bolsonaro, apenas os governantes de Turcomenistão, Nicarágua e Belarus negam a gravidade da pandemia de coronavírus. Número de mortes no mundo é de 162 mil

(Foto: Roberto Parizotti/FotosPublicas | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Apoiadores de Jair Bolsonaro formam carreatas pelo segundo dia consecutivo para pedir pelo fim do isolamento social, desafiando as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde). Os protestos acontecem neste domingo (19). A informação é do jornal Folha de São Paulo

Bolsonaro tem negado de forma insistente a gravidade da pandemia de coronavírus, promovendo passeios e aglomerações em Brasília. O capitão reformado desrespeitou as regras da OMS e ainda demitiu o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, por discordar de seu posicionamento.

As passeatas acontecem em Salvador, Manaus e Brasília, além de um início de concentração em São Paulo.

O número de casos confirmados no mundo é de mais de 2,35 milhões, com 162 mil vítimas fatais da Covid-19. 

Além de Bolsonaro, outros governantes que ignoram a seriedade da doença são de Turcomenistão, Nicarágua e Belarus​.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247