Boulos: um professor tem a mesma alíquota de imposto de renda que o Neymar

Em entrevista a TV Brasil, o candidato do PSOL disse que vai sobretaxar os mais ricos, que hoje pagam uma alíquota de imposto de renda igual a de trabalhadores de classe média; ele também prometeu enfrentar o desafio de reduzir o déficit habitacional do Brasil, que hoje tem mais 'casas sem gente do que gente sem casa'

Boulos: um professor tem a mesma alíquota de imposto de renda que o Neymar
Boulos: um professor tem a mesma alíquota de imposto de renda que o Neymar (Foto: Facebook/Boulos)

247 - O candidato a presidente Guilherme Boulos (PSOL) disse, em sabatina realizada pela TV Brasil nesta terça-feira, que é preciso sobretaxar os mais ricos, que hoje pagam a mesma alíquota de imposto de renda do que trabalhadores de classe média.

"Hoje um jornalista, um professor, paga a mesma alíquota de imposto de renda que o Neymar e o dono do Bradesco. Isso quando o dono do banco não sonega imposto. Por isso vamos criar uma alíquota de 35% para os super-ricos", adiantou o candidato.

Líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), o pesolista também falou sobre o déficit habitacional do país e sobre as ocupações.

"Eu luto por moradia popular no Brasil há 17 anos. Às vezes ouço que quem luta é vagabundo. Chamar de criminosa uma mãe que tem que escolher entre pagar o leite da criança ou o aluguel? "Toda ocupação é resultado de um duplo abandono. Temos 6 milhões e meio de famílias sem teto, com mais de 7 milhões imóveis vazios. Mais casa sem gente do que gente sem casa. Nós vamos enfrentar essa tragédia", disse Boulos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247