Governo vai cortar R$ 54,7 bilhões em investimentos no transporte

O governo prepara o PNL (Plano Nacional de Logística), que define investimentos para a área dos transportes; caso seja levado adiante, o Plano irá cortar até 2025 a quantia de R$ 54,7 bilhões; Temer assinará um decreto dando peso de lei ao programa e criando um comitê para definir o que é obra prioritária ou não

michel temer
michel temer (Foto: Gustavo Conde)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O governo prepara o PNL (Plano Nacional de Logística), que define investimentos para a área dos transportes. Caso seja levado adiante, o Plano irá cortar até 2025 a quantia de R$ 54,7 bilhões. Temer assinará um decreto dando peso de lei ao programa e criando um comitê para definir o que é obra prioritária ou não.

“Farão parte do comitê representantes da Secretaria-Geral da Presidência da República, os ministros de Transporte, Minas e Energia, Agricultura, Meio Ambiente, Planejamento, Casa Civil e a EPL (Empresa de Planejamento e Logística), responsável pela parte técnica do programa. Assessores de Temer afirmam que, na prática, o plano dificultará investimentos em obras de cunho eleitoreiro.

Segundo eles, o próximo presidente poderá, via comitê, interferir na ordem das obras do PNL, mas não poderá, sozinho, decidir que obras entram na lista, que será feita pela EPL com base em cálculos a partir de dezenas de bases de dados já integradas. Se o presidente quiser incluir uma obra fora do PNL para agradar a aliados, ele deverá registrar em ata, expondo o teor político da decisão.”

Leia mais aqui.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247