PF investiga cobrança de propina em construção de submarino da Marinha

A Polícia Federal está cumprindo nesta quinta-feira (7) três mandados de busca e apreensão para investigar suspeita de cobrança de propina em contratos para a construção de um submarino da Marinha; investigação apura o suposto pagamento de R$ 6 milhões em propinas para a realização de contratos para a construção de um submarino, que somam cerca de R$ 6 milhões, pela empresa austríaca Bilfinger Maschinembau GMBA & CO.KO (MAB) entre 2008 e 2015

PF investiga cobrança de propina em construção de submarino da Marinha
PF investiga cobrança de propina em construção de submarino da Marinha

Sputnik - Polícia Federal em São Paulo cumpre na manhã desta quinta-feira (7) três mandados de busca e apreensão para investigar suspeita de cobrança de propina em contratos para a construção de um submarino da Marinha.

De acordo com Ministério Público de São Paulo, está sendo apurada a prática dos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

O MPF investiga a suspeita de que um engenheiro e um funcionário da Marinha teriam cobrado propina para a realização de contratos para a construção de um submarino no valor de R$ 6 milhões da empresa austríaca Bilfinger Maschinembau GMBA & CO.KO (MAB) no período entre 2008 e 2015.
A companhia estrangeira atua no ramo de fabricação e engenharia de componentes para tecnologia de reatores nucleares.

Segundo a investigação, a empresa firmou 15 contratos administrativos com o Centro Tecnológico da Marinha e com o Comando Naval Brasileiro Europa (BNCE) para o fornecimento de materiais de pesquisa e prestação de serviços envolvendo tecnologia nuclear.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247