PT aponta Haddad como nova liderança no Brasil

A executiva do PT esteve reunida neste sábado (1°) onde aprovou um documento que coloca Fernando Haddad como uma nova liderança nacional da sigla; "Ao mesmo tempo em que simbolizou aspectos de renovação política e social de que o PT é capaz, logrando conjuntamente com a militância democrática, da esquerda e do partido chegar ao final do segundo turno com 47 milhões de votos. É com este saldo político que Fernando Haddad poderá cumprir destacado papel frente aos novos e complexos desafios da conjuntura", diz o texto

PT aponta Haddad como nova liderança no Brasil
PT aponta Haddad como nova liderança no Brasil (Foto: Ricardo Stuckert)

247 - O diretório nacional do PT aprovou neste sábado (1°) um documento com um balanço das eleições de outubro e resoluções sobre o posicionamento do partido sobre o futuro governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). A versão final do texto ainda não foi divulgada pelo partido, mas foi aprovada em uma reunião da executiva nacional, em Brasília.

O texto classificou o ex-presidenciável Fernando Haddad como o próximo líder político do PT, simbolizando a renovação política que o país tem pedido.

"Finalmente, é imprescindível ressaltar nesse balanço que o companheiro Fernando Haddad se projeta como uma nova liderança nacional do partido. Defendeu o legado do PT, ao mesmo tempo em que simbolizou aspectos de renovação política e social de que o PT é capaz, logrando conjuntamente com a militância democrática, da esquerda e do partido chegar ao final do segundo turno com 47 milhões de votos. É com este saldo político que Fernando Haddad poderá cumprir destacado papel frente aos novos e complexos desafios da conjuntura", diz o texto.

A versão final do documento também retirou a autocrítica aos governo do PT. 

“Não tem autocrítica no texto. O PT faz autocrítica na prática. O PT fez financiamento público de campanha, o PT está reorganizando as bases, o PT está com movimento social. Nós não faremos autocrítica para a mídia e não faremos autocrítica para a direita do país“, disse a presidenta nacional do partido, Gleisi Hoffman.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247