Alvos de tentativa de censura, escritores gravam versão de "Apesar de Você", canção símbolo da luta contra a ditadura

Um grupo de escritores, editores e organizadores da Bienal do Livro do Rio de Janeiro lançou dois manifestos neste domingo (8), contra a tentativa do prefeito Marcelo Crivella (PRB) de censurar títulos que abordam a temática LGBT. Um é um vídeo entoando a letra da canção “Apesar de Você”, composição de Chico Buarque, símbolo de combate à ditadura militar

Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro
Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Revista Fórum - Um grupo de escritores, editores e organizadores da Bienal do Livro do Rio de Janeiro lançou dois manifestos neste domingo (8), contra a tentativa do prefeito Marcelo Crivella (PRB) de censurar títulos que abordam a temática LGBT. Um é um vídeo entoando a letra da canção “Apesar de Você”, composição de Chico Buarque, símbolo de combate à ditadura militar.

A organização do ato foi da jornalista e escritora Thalita Rebouças, autora de “Confissões de um Garoto Tímido, Nerd e (Ligeiramente) Apaixonado”, um dos 14 mil exemplares distribuídos a leitores na Bienal pelo youtuber Felipe Neto.

Ele também é um dos que interpretam trechos da canção, assim como Laurentino Gomes, Miriam Leitão, Fabrício Carpinejar e Pedro Bandeira.

Leia a íntegra na Revista Fórum. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247