França e Irlanda exageraram ao ligarem incêndios a acordo comercial, diz ministra

Para a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, houve um exagero por parte da França e da Irlanda ao relacionarem questões relacionadas a queimadas na Amazônia com aprovação de acordo comercial Mercosul-União Europeia, Ela disse ainda que não espera que o agronegócio do Brasil venha a sofrer embargos comerciais devido a polêmicas ambientais

Brasilia DF - ministra da Agricultura no governo de Jair Bolsonaro, Tereza Cristina
Brasilia DF - ministra da Agricultura no governo de Jair Bolsonaro, Tereza Cristina (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - Houve um exagero da França e da Irlanda ao relacionarem questões relacionadas a queimadas na Amazônia com aprovação de acordo comercial Mercosul-União Europeia, disse nesta segunda-feira a ministra da Agricultura do Brasil, Tereza Cristina, a jornalistas após evento em São Paulo.

Na sexta-feira, o gabinete do presidente francês, Emmanuel Macron, disse que o país se oporia ao acordo UE-Mercosul, posição semelhante à da Irlanda, na esteira das notícias relacionadas à Amazônia.

Ela disse ainda que não espera que o agronegócio do Brasil venha a sofrer embargos comerciais devido a polêmicas ambientais.

Tereza falou que toda ajuda internacional para controlar queimadas é bem-vinda, mas desde que Brasil possa decidir quais iniciativas são importantes.

Por Gabriel Araujo

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email