Governo central tem déficit primário recorde para maio de R$ 126,6 bilhões

Trata-se do maior rombo para o mês de maio da série histórica do Tesouro Nacional, conforme dados divulgados nesta segunda-feira (29)

(Foto: Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

BRASÍLIA (Reuters) - O governo central, formado por Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social, registrou um déficit primário de 126,6 bilhões de reais em maio, maior rombo para o mês da série histórica do Tesouro, conforme dados divulgados nesta segunda-feira.

O dado veio um pouco pior que a projeção de um déficit de 125,9 bilhões de reais, segundo pesquisa da Reuters com analistas.

Nos cinco primeiros meses do ano, o rombo nas contas públicas foi de 222,5 bilhões de reais, contra 17,5 bilhões de reais em igual etapa de 2019. Em 12 meses, o déficit primário é de 300,5 bilhões de reais, equivalente a 4,14% do PIB (Produto Interno Bruto).

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247