iFood obtém autorização para realizar entregas com drones no Brasil

A empresa mapeou pelo menos 200 cidades brasileiras onde poderá aplicar a tecnologia, mas uma autorização de larga escala da Anac depende dos resultados nos testes iniciais, que serão realizados em Campinas (SP)

iFood faz entregas com drones
iFood faz entregas com drones (Foto: Divulgação iFood/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik – Nesta quarta-feira (12), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou o pedido do aplicativo de entregas de alimentos iFood para voos experimentais com drones.

Segundo publicou o jornal Folha de São Paulo, os drones devem ser testados para um sistema híbrido que visa a redução do tempo de entregas pelo aplicativo. As autorizações foram dadas a duas empresas que operarão os testes para o aplicativo, Speedbird e AL Drones.

Os voos devem ter início já em outubro e por enquanto contarão com a participação de entregadores realizando a finalização da entrega. O local dos primeiros testes também já foi definido: a cidade de Campinas, no interior de São Paulo.

Parte dos testes devem ser realizados em um shopping, operando em um trecho de 400 metros inicialmente. Um outro trecho de 2,5 km também será testado no local.

Ainda segundo o jornal Folha de São Paulo, o iFood teve um aumento no cadastro de restaurantes durante a pandemia da COVID-19, de 160 mil, em março, para 212 mil, em junho. O mesmo período também teve 9 milhões de entregas a mais realizadas por meio do aplicativo.

O iFood mapeou pelo menos 200 cidades brasileiras onde poderá aplicar a tecnologia, mas uma autorização de larga escala da Anac depende dos resultados nos testes iniciais.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247