Prévia da inflação de outubro sobe 0,94%, maior alta para o mês em 25 anos

Segundo o IBGE, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) subiu 0,94% em outubro, maior alta para o mês desde 1995

(Foto: Amanda Perobelli/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Isabel Versiani, Reuters - O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) acelerou em outubro para alta de 0,94%, maior salto para o mês desde 1995, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira.

Pesquisa da Reuters com economistas estimava alta de 0,81 por cento para o período.

A alta no mês foi impulsionada por um aumento no segmento Alimentação e Bebidas, que subiu 2,24%. A segunda maior variação veio dos Artigos de Residência (1,41%), cujos preços subiram pelo sexto mês consecutivo. O único grupo dos nove pesquisados a apresentar queda em outubro foi Educação (-0,02%).

Em setembro, o IPCA-15 havia registrado alta de 0,45%. No ano, o índice agora acumula alta de 2,31% e, nos últimos 12 meses, a variação acumulada é de 3,52%.

Para o cálculo do IPCA-15, os preços foram coletados de 12 de setembro a 13 de outubro de 2020 (referência) e comparados com aqueles vigentes entre 14 de agosto e 11 de setembro de 2020 (base). O indicador refere-se às famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos e abrange as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247