Venda da Eldorado Celulose deve render cerca de R$ 6 bi aos irmãos Batista

Venda da Eldorado Celulose, do grupo J&F, para a companhia holandesa Paper Excellence, por R$ 15 bilhões, deverá render cerca de R$ 6 bilhões para os irmãos Wesley e Joesley Batista, controladores da J&F; inicialmente, a companhia holandesa deverá ficar com algo entre 30% e 35% do capital da Eldorado, pertencentes aos irmãos Batista, que devem receber cerca de R$ 4,5 bilhões pela transação; a Eldorado é a terceira empresa do grupo a ser vendida depois da Alpargatas e da Vigor, na esteira das delações premiadas dos executivos do grupo

joesley
joesley (Foto: Paulo Emílio)

247 - A venda da Eldorado Celulose, do grupo J&F, para a companhia holandesa Paper Excellence, por R$ 15 bilhões, deverá render cerca de R$ 6 bilhões para os irmãos Wesley e Joesley Batista, controladores da J&F. A Eldorado é a terceira empresa do grupo a ser vendida depois da Alpargatas e da Vigor, na esteira das delações premiadas dos executivos do grupo.

A transferência da totalidade das ações para a Paper Excellence deverá acontecer em um prazo de um ano. Inicialmente, a companhia holandesa deverá ficar com algo entre 30% e 35% do capital da Eldorado, pertencentes aos irmãos Batista, que devem receber cerca de R$ 4,5 bilhões pela transação.

Para obter o total das ações, a Paper Excellence, também terá que comprar os papéis que estão nas mãos de fundos de pensão. Os fundos Petros e Funcef possuem 17% da empresa e o fundo privado FIP Olímpia possui os 2% restantes.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247