A empresários de SP, Temer apresenta programa de governo do PMDB

O vice-presidente Michel Temer apresentou nesta quinta (7) o programa de governo do PMDB para cerca de 150 empresários em São Paulo; Temer falou por cerca de meia hora sobre as propostas de "Uma ponte para o Futuro", plano do partido que deve ser lançado na convenção da legenda em março; "Indiretamente ele me pareceu apresentar um programa de transição, mas não falou claramente sobre isso em momento algum", afirmou Mário Paciello; já o conselheiro da Fundação Ulysses Guimarães, Evandro Mesquita, afirmou que o plano exposto por Temer é "um projeto para um governo de união nacional" e salientou que tanto PSDB quanto DEM já expressaram apoio ao programa

O vice-presidente Michel Temer apresentou nesta quinta (7) o programa de governo do PMDB para cerca de 150 empresários em São Paulo; Temer falou por cerca de meia hora sobre as propostas de "Uma ponte para o Futuro", plano do partido que deve ser lançado na convenção da legenda em março; "Indiretamente ele me pareceu apresentar um programa de transição, mas não falou claramente sobre isso em momento algum", afirmou Mário Paciello; já o conselheiro da Fundação Ulysses Guimarães, Evandro Mesquita, afirmou que o plano exposto por Temer é "um projeto para um governo de união nacional" e salientou que tanto PSDB quanto DEM já expressaram apoio ao programa
O vice-presidente Michel Temer apresentou nesta quinta (7) o programa de governo do PMDB para cerca de 150 empresários em São Paulo; Temer falou por cerca de meia hora sobre as propostas de "Uma ponte para o Futuro", plano do partido que deve ser lançado na convenção da legenda em março; "Indiretamente ele me pareceu apresentar um programa de transição, mas não falou claramente sobre isso em momento algum", afirmou Mário Paciello; já o conselheiro da Fundação Ulysses Guimarães, Evandro Mesquita, afirmou que o plano exposto por Temer é "um projeto para um governo de união nacional" e salientou que tanto PSDB quanto DEM já expressaram apoio ao programa (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O vice-presidente Michel Temer apresentou nesta quinta-feira (7) o programa de governo do PMDB para cerca de 150 empresários em São Paulo. Temer falou por cerca de meia hora sobre as propostas de "Uma ponte para o Futuro", plano do partido que deve ser lançado na convenção da legenda em março.

Temer estava acompanhado pelo ex-ministro Moreira Franco, responsável pelas críticas mais claras ao governo atual, e pelo jurista Ives Gandra, que já se posicionou publicamente a favor do impedimento de Dilma. O encontro foi fechado à imprensa e Temer não falou com os jornalistas após a reunião.

"Indiretamente ele me pareceu apresentar um programa de transição, mas não falou claramente sobre isso em momento algum", afirmou Mário Paciello, um dos presentes à reunião.

Já o conselheiro da Fundação Ulysses Guimarães, Evandro Mesquita, afirmou que o plano exposto por Temer é "um projeto para um governo de união nacional" e salientou que tanto PSDB quanto DEM já expressaram apoio à “Ponte para o Futuro” peemedebista.

Segundo presentes, o vice justificou a existência de um programa exclusivo da sigla que preside, alegando que a expressão "partido" já deixa claro que o PMDB é parte, não todo o governo.

Ex-ministro do Superior Tribunal Militar, Flávio Bierrenbach disse ter entendido a palestra como um sinal de que Temer "está à disposição do país". "Ele falou que o Brasil precisa superar as divergências, não pode ter um tom maniqueísta, a divisão entre o bem e o mal", relatou.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247