Ataídes é eleito presidente da Comissão de Transparência do Senado

Senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) afirmou nesta terça-feira (4) que a Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) atuará preventivamente no combate à corrupção, envolvendo a sociedade no processo de fiscalização; para Ataídes, com os resultados da Operação Lava Jato, o país tem que mudar completamente suas práticas e passar a usar com zelo os recursos públicos; "Mais do que nunca é nosso dever fiscalizar e controlar cada ato, cada projeto, cada iniciativa do Poder Executivo. Temos que ser rigorosos ao cobrar lisura. Investigar e fechar todas as brechas possíveis para eventuais malfeitos"

Senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) afirmou nesta terça-feira (4) que a Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) atuará preventivamente no combate à corrupção, envolvendo a sociedade no processo de fiscalização; para Ataídes, com os resultados da Operação Lava Jato, o país tem que mudar completamente suas práticas e passar a usar com zelo os recursos públicos; "Mais do que nunca é nosso dever fiscalizar e controlar cada ato, cada projeto, cada iniciativa do Poder Executivo. Temos que ser rigorosos ao cobrar lisura. Investigar e fechar todas as brechas possíveis para eventuais malfeitos"
Senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) afirmou nesta terça-feira (4) que a Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) atuará preventivamente no combate à corrupção, envolvendo a sociedade no processo de fiscalização; para Ataídes, com os resultados da Operação Lava Jato, o país tem que mudar completamente suas práticas e passar a usar com zelo os recursos públicos; "Mais do que nunca é nosso dever fiscalizar e controlar cada ato, cada projeto, cada iniciativa do Poder Executivo. Temos que ser rigorosos ao cobrar lisura. Investigar e fechar todas as brechas possíveis para eventuais malfeitos" (Foto: Aquiles Lins)

Agência Senado - O senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) afirmou nesta terça-feira (4) que a Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC) atuará preventivamente no combate à corrupção, envolvendo a sociedade no processo de fiscalização. A afirmação foi feita logo após a eleição do senador para a presidência da comissão, que também elegeu o senador Airton Sandoval (PMDB-SP) como vice-presidente.

A CTFC começou a trabalhar nesta terça, após o Plenário aprovar projeto de resolução alterando suas atribuições, que antes englobava os temas relacionados a transparência e governança. Agora, com a mudança, abrange também os temas ligados a fiscalização e controle e defesa do consumidor, antes sob a responsabilidade da Comissão de Meio Ambiente (CMA).

Controle de gastos

Para Ataídes Oliveira, com os resultados da Operação Lava Jato, o país tem que mudar completamente suas práticas e passar a usar com zelo os recursos públicos. Ele prometeu atuar com rigor no controle dos gastos e no combate à corrupção.

— Mais do que nunca é nosso dever fiscalizar e controlar cada ato, cada projeto, cada iniciativa do Poder Executivo. Temos que ser rigorosos ao cobrar lisura. Investigar e fechar todas as brechas possíveis para eventuais malfeitos — disse.

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) sugeriu que o controle passe a ser feito em tempo real, para permitir uma atuação preventiva. Já o senador João Capiberibe (PSB-AP) afirmou que é fundamental a participação da sociedade nesse processo.

— E essa é uma tarefa que a gente pode contar com o conjunto da sociedade brasileira, estimulando o controle social. Que a sociedade participe porque, de fato, os dados estão disponíveis — acrescentou Capíberibe.

Durante a reunião desta terça os senadores aprovaram a realização de reuniões semanais às quartas-feiras.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247