Conseg cria comissão para avaliar segurança

Todos os pedidos de segurança individualizada serão apreciados por uma comissão formada por dois coronéis da Polícia Militar de Alagoas e um delegado da Polícia Civil; decisão foi tomada pelo Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), órgão responsável por decidir favorável ou não a pessoas ou autoridades que se sintam ameaçadas

Todos os pedidos de segurança individualizada serão apreciados por uma comissão formada por dois coronéis da Polícia Militar de Alagoas e um delegado da Polícia Civil; decisão foi tomada pelo Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), órgão responsável por decidir favorável ou não a pessoas ou autoridades que se sintam ameaçadas
Todos os pedidos de segurança individualizada serão apreciados por uma comissão formada por dois coronéis da Polícia Militar de Alagoas e um delegado da Polícia Civil; decisão foi tomada pelo Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), órgão responsável por decidir favorável ou não a pessoas ou autoridades que se sintam ameaçadas (Foto: Voney Malta)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Alagoas247 - O Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg) criou uma comissão para avaliar os pedidos de segurança individualizada existentes no estado de Alagoas. A partir de agora, as solicitações serão apreciadas por dois coronéis da Polícia Militar e um delegado da Polícia Civil. 

A portaria, publicada no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (13), considera o número de autoridades e pessoas ameaçadas que se encontram, atualmente, usufruindo do serviço de segurança pessoal.

Para compor a Comissão Técnica, foram designados os coronéis João Marinho da Silva Filho e Gláucio Luiz do Espírito Santo Alcântara, além do delegado da Polícia Civil Osvaldo Rodrigues Nunes.

A portaria que designa a comissão foi assinada pelo presidente do Conseg, Maurício Breda.

Com gazetaweb.com

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247