Definição sobre trem bala em BH pode sair este ano

Segundo a Empresa de Planejamento e Logística (EPL), estudos serão feitos já neste 2013. Objetivo é definir viabilidade comercial e se o trajeto ligará a capital mineira a Campinas (SP) ou Volta Redonda (RJ)

Definição sobre trem bala em BH pode sair este ano
Definição sobre trem bala em BH pode sair este ano
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - Belo Horizonte poderá fazer parte do ramal do Trem de Alta Velocidade (TAV Brasil). Os estudos para ver a viabilidade comercial e de investimento começam ainda este ano, segundo informou na capital mineira o presiente do Conselho Consultivo da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Bernardo Figueiredo.

Leia abaixo o texto publicado pelo portal local Bhaz

Após participar de uma reunião com o Conselho Consultivo da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), realizada nesta quarta-feira (9) em Belo Horizonte, Bernardo Figueiredo, presidente da organização, afirmou que o estudo de viabilidade para implantação do ramal do Trem de Alta Velocidade (TAV Brasil) na Capital mineira começa ainda este ano.

O levantamento tem como objetivo definir se o trajeto de BH irá até Campinas, em São Paulo, ou até Volta Redonda, no Rio de Janeiro. Também conhecido como “trem bala”, o TAV Brasil será um meio de transporte capaz de competir com avião em conforto, velocidade e preço, segundo o presidente da EPL. Além disso, o projeto atenderá a cidades onde não há aeroportos.

Quanto aos valores das viagens, Figueiredo afirmou que a diferenciação será feita levando em conta o horário da viagem e o nível de conforto escolhido pelo consumidor. Entre Rio de Janeiro e São Paulo, por exemplo, a passagem no trem-bala deverá custar R$ 200 no assento econômico e R$ 325 no executivo.

Sem considerar a Capital mineira, o TAV Brasil irá percorrer 510 quilômetros ligando o Rio de Janeiro a Campinas. A expectativa é que o projeto custe cerca de R$ 30 bilhões.

No Rio, a expectativa é  de que o trem tenha estações em Barão de Mauá, no Galeão, e em Barra Mansa/Volta Redonda. Em São Paulo, haverá paradas em Aparecida, São José dos Campos, Guarulhos, Campo de Marte, Viracopos e Campinas. Esse trecho do projeto deve ficar pronto até 2020.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email