Deputado menospreza ato pró-Iris: mal elaborado

Leandro Vilela, que é um dos coordenadores da campanha de Júnior Friboi, soltou o verbo na coluna Xadrez, do jornal O Hoje; deputado federal afirma que manifestação pedindo a candidatura de Iris Rezende ao governo foi mal conduzida e mal elaborada; "Eles fizeram um tal manifesto e levaram ao diretório. Qual a representação política do partido que se fez presente?”, desdenha o sobrinho de Maguito; é mais um exemplo do racha existente no PMDB entre a turma de Friboi e a tropa irista

leandro vilela
leandro vilela (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O PMDB não consegue mais esconder o clima de tensão que toma conta do partido devido ao racha entre Júnior Friboi e Iris Rezende. O deputado federal Leandro Vilela, que é sobrinho de Maguito Vilela, e já foi irista de carteirinha soltou os cachorros em cima do ato pró-Iris realizado no dia 27 de fevereiro.

Lideranças do partido organizaram evento e um manifesto que lança Iris Rezende como o candidato do partido ao governo de Goiás. Leandro é um dos coordenadores da campanha de Júnior Friboi.

Veja nota da coluna Xadrez, do jornal O Hoje, assinada pelo jornalista Rubens Salomão e publicada neste sábado:


“O PMDB já definiu seu candidato”, diz coordenador de Friboi

O deputado federal Leandro Vilela (PMDB) trabalha na coordenação da pré-campanha de Junior do Friboi ao governo de Goiás e alega acreditar que não existedivergência interna no partido entre o empresário e Iris Rezende. “Não tem disputa. O partido já definiu quem é o seu candidato. A não ser que alguém manifeste interesse, mas isso não aconteceu. Se o Iris se manifestar pessoalmente é diferente, aí o partido abre a discussão, mas, como está, não há disputa nem divisão”, garantiu. Sobre a movimentação pró-Iris, Vilela opina que “foi uma manifestação muito mal conduzida e mal elaborada. Não teve a representação necessária, até levando em conta o tamanho da pessoa de Iris Rezende. Eles fizeram um tal manifesto e levaram ao diretório. É só ver quantos prefeitos, deputados estaduais, federais, vereadores e lideranças estiveram lá. Qual a representação política do partido que se fez presente?”, questionou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email