Deputados vão 'fiscalizar' Dilma em Nova York

Presidente do DEM na Bahia, o deputado José Carlos Aleluia afirma que a decisão da Câmara de enviar dois representantes para acompanhar o discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU, em Nova York (EUA), "tem o objetivo de esclarecer a comunidade internacional de que todo o processo de impeachment está de acordo com a Constituição Federal, respeitando o rito definido pelo Supremo Tribunal Federal"

Presidente do DEM na Bahia, o deputado José Carlos Aleluia afirma que a decisão da Câmara de enviar dois representantes para acompanhar o discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU, em Nova York (EUA), "tem o objetivo de esclarecer a comunidade internacional de que todo o processo de impeachment está de acordo com a Constituição Federal, respeitando o rito definido pelo Supremo Tribunal Federal"
Presidente do DEM na Bahia, o deputado José Carlos Aleluia afirma que a decisão da Câmara de enviar dois representantes para acompanhar o discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU, em Nova York (EUA), "tem o objetivo de esclarecer a comunidade internacional de que todo o processo de impeachment está de acordo com a Constituição Federal, respeitando o rito definido pelo Supremo Tribunal Federal" (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Presidente do DEM na Bahia, o deputado federal José Carlos Aleluia afirma que a decisão da Câmara de enviar dois representantes para acompanhar o discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU (Organizações das Nações Unidas), em Nova York (EUA), "tem o objetivo de esclarecer a comunidade internacional de que todo o processo de impeachment está de acordo com a Constituição Federal, respeitando o rito definido pelo Supremo Tribunal Federal (STF)".

"A farsa da presidente Dilma de que é vítima de um golpe não procede, mas ela insiste nesta falácia e quer sensibilizar a comunidade internacional com esta mentira".

Ele e o deputado Luiz Lauro Filho (PSB-SP) são os parlamentares que vão a Nova York. "Estaremos lá para desmistificar a desesperada tentativa de Dilma de manter-se na presidência sem respeitar o que prevê a Constituição para os crimes de responsabilidade que ela cometeu", diz Aleluia.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247