Entorno Norte vai receber R$ 205 milhões do Goiás na Frente

A cidade de Planaltina de Goiás, porta de entrada do Entorno Norte do Distrito Federal, foi sede de mais uma etapa do programa “Goiás na Frente”, iniciativa do governo de Goiás que visa investir R$ 9 bilhões em todos os municípios do Estado; na região do Entorno Norte, composta pelos municípios de Planaltina de Goiás, Água Fria de Goiás, Cabeceiras, Formosa, Mimoso de Goiás, Padre Bernardo e Vila Boa, o programa “Goiás na Frente” projeta investimento de R$ 205 milhões em obras que visam a melhoria da vida das pessoas e a geração de desenvolvimento para as comunidades

A cidade de Planaltina de Goiás, porta de entrada do Entorno Norte do Distrito Federal, foi sede de mais uma etapa do programa “Goiás na Frente”, iniciativa do governo de Goiás que visa investir R$ 9 bilhões em todos os municípios do Estado; na região do Entorno Norte, composta pelos municípios de Planaltina de Goiás, Água Fria de Goiás, Cabeceiras, Formosa, Mimoso de Goiás, Padre Bernardo e Vila Boa, o programa “Goiás na Frente” projeta investimento de R$ 205 milhões em obras que visam a melhoria da vida das pessoas e a geração de desenvolvimento para as comunidades
A cidade de Planaltina de Goiás, porta de entrada do Entorno Norte do Distrito Federal, foi sede de mais uma etapa do programa “Goiás na Frente”, iniciativa do governo de Goiás que visa investir R$ 9 bilhões em todos os municípios do Estado; na região do Entorno Norte, composta pelos municípios de Planaltina de Goiás, Água Fria de Goiás, Cabeceiras, Formosa, Mimoso de Goiás, Padre Bernardo e Vila Boa, o programa “Goiás na Frente” projeta investimento de R$ 205 milhões em obras que visam a melhoria da vida das pessoas e a geração de desenvolvimento para as comunidades (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - A cidade de Planaltina de Goiás, porta de entrada do Entorno Norte do Distrito Federal, foi sede na manhã desta sexta-feira (19) de mais uma etapa do programa “Goiás na Frente”, iniciativa do governo de Goiás que visa investir R$ 9 bilhões em todos os municípios do Estado. O encontro reuniu mais de 500 pessoas da comunidade, além de todos os prefeitos da regional, deputados e secretários dos governos municipais e estadual.

Na região do Entorno Norte, composta pelos municípios de Planaltina de Goiás, Água Fria de Goiás, Cabeceiras, Formosa, Mimoso de Goiás, Padre Bernardo e Vila Boa, o programa “Goiás na Frente” projeta investimento de R$ 205 milhões em obras que visam a melhoria da vida das pessoas e a geração de desenvolvimento para as comunidades.

Para investimentos em infraestrutura, o governo destinou R$ 75 milhões. Serão mais de R$ 2 milhões do Programa Rodovida Construção; cerca de R$ 70 milhões no Rodovida Reconstrução e aproximadamente R$ 3 milhões no Programa Rodovida Manutenção.

Para a Educação, serão destinados mais de R$ 27 milhões. Os recursos serão divididos em construção e cobertura de quadras poliesportivas, para o que serão investidos R$ 1,6 milhão e outros R$ 2,5 milhões em construção e reforma de escolas Padrão Século XXI.

Para a área do desenvolvimento regional, ciência, tecnologia e inovação serão R$ 180 mil, recurso a ser investido na construção do Itego de Formosa.

Outros R$ 6,4 milhões serão destinados à Saúde. Todo o dinheiro será aplicado na construção da AME de Formosa. Para o setor de saneamento estão previstos investimentos de R$ 43,8 milhões. Serão R$ 4,4 milhões para implantação de sistema de água; R$ 38,9 milhões para implantação de sistema de esgoto e R$ 500 mil em melhorias operacionais.

Para habitação, serão R$ 3,2 milhões. Toda a verba será utilizada na construção de novas unidades habitacionais. A Segurança Pública ficará com R$ 31 milhões, recurso a ser utilizado na construção dos presídios de Formosa e Planaltina. E para apoiar todos os sete municípios que pertencem a região do Entorno Norte, o Governo do Estado está destinando R$ 18 milhões. Com esta verba, os prefeitos poderão realizar obras de pavimentação, recapeamento, urbanização e iluminação de vias públicas.

 

Recursos liberados

Os R$ 500 milhões provenientes dos convênios com as prefeituras, segundo informou o governador Marconi Perillo, já começaram a ser liberados. As prefeituras com suas documentações em dia estão sendo chamadas para receber sua parcela no convênio. “Provavelmente terça-feira próxima deveremos liberar dinheiro para pelo menos mais 40 prefeituras”, anunciou o governador.

Marconi fez questão de destacar que os convênios, para certas prefeituras, são o único apoio que os prefeitos estão tendo neste início de mandato. “Estamos dando condições para que eles resolvam problemas urgentes em suas cidades”, salientou.

Ele reiterou ainda que o governo não deu palpite para a aplicação dos recursos. “Não dissemos a eles como devem aplicar o dinheiro. Cada um sabe a prioridade que têm. Eles têm liberdade para investir de acordo com a necessidade de suas comunidades. Essa é a nossa maneira de fazer parcerias. Respeitando os prefeitos, sendo republicanos”.

Depois de reafirmar que o Brasil, nos últimos dez anos ficou mais pobre, o governador disse que “pelo menos em Goiás, o governo está estendendo a mão aos prefeitos, amenizando os efeitos das dificuldades pelos quais eles têm passado”.

 

 

Planaltina receberá R$ 5 milhões para recapeamento

O prefeito de Planaltina de Goiás, David Alves Teixeira (PROS), disse que o município atravessa sérios problemas de caixa para resolver muitas questões que vêm se acumulando ao longo dos anos. A cidade precisa urgentemente de recursos para recuperar a pavimentação, um dos maiores problemas enfrentados no momento pela administração.

Convivendo com ruas e avenidas esburacadas, fato gerador de descontentamento por parte da população, o prefeito disse que a ajuda do governo do Estado chega na hora certa. “Nesses cinco meses de administração já temos muito o que comemorar com a nossa parceria com o governo do Estado”, testemunhou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247