Governo garante estabilidade para empresários

Através de Helder Lima, novo secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, o governo de Alagoas apresentou projetos e soluções sobre a industrialização e turismo; ele afirmou que Alagoas foi o Estado do Nordeste que perdeu mais tempo sem explorar seus benefícios fiscais, atrasando o surgimento de novas empresas e o desenvolvimento das existentes

Através de Helder Lima, novo secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, o governo de Alagoas apresentou projetos e soluções sobre a industrialização e turismo; ele afirmou que Alagoas foi o Estado do Nordeste que perdeu mais tempo sem explorar seus benefícios fiscais, atrasando o surgimento de novas empresas e o desenvolvimento das existentes
Através de Helder Lima, novo secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, o governo de Alagoas apresentou projetos e soluções sobre a industrialização e turismo; ele afirmou que Alagoas foi o Estado do Nordeste que perdeu mais tempo sem explorar seus benefícios fiscais, atrasando o surgimento de novas empresas e o desenvolvimento das existentes (Foto: Voney Malta)

Maynara Rocha/agenciaalagoas - Em entrevista ao Programa Ricardo Mota Entrevista, da TV Pajuçara, nesse domingo (10), o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima, apresentou novos projetos e soluções sobre a industrialização e turismo em Alagoas, diante do cenário econômico crítico do país.

O secretário afirmou que Alagoas foi o Estado do Nordeste que perdeu mais tempo sem explorar seus benefícios fiscais; atrasando o surgimento de novas empresas e o desenvolvimento das existentes.

Helder Lima também expôs algumas das soluções que serão tomadas à frente da pasta. "Hoje, para chegar ao Estado, a empresa depende muito da segurança jurídica e das condições fiscais, e o Governo oferece total garantia da estabilidade, atraindo e simplificando (desburocratizando) para novas empresas, o que favorece a geração de mais empregos", disse o secretário.

Ricardo Mota também questionou o desenvolvimento da industrialização e o turismo em Alagoas. Por sua vez, o secretário apontou o segmento turístico como um sobrevivente da crise no país. O Estado obteve, segundo Helder Lima, uma grande alta no setor, nestes últimos anos.

"O 'olhar especial' do Governo está voltado para a valorização e expansão das ofertas turísticas locais, tendo como exemplo os cânions do São Francisco, em Delmiro Gouveia, área citada por Helder Lima como a de maior de potencial a ser explorado no Estado.

"Empresas turísticas e indústrias alagoanas devem fortalecer a divulgação do Estado para a iniciativa privada, o que permitirá a proposição de ações mais concretas, a partir de uma visão completa de nossas potencialidades", finalizou o secretário.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247