“Hoje é um dia de luto e de luta”, diz Alice

Durante o Fórum Social Mundial (FSM) 2018, em Salvador, a deputada Alice Portugal (PCdoB/BA) protestou contra a execução da vereadora do PSOL, Marielle Franco, no Rio de Janeiro; “Marielle lutava nas favelas e nos bairros mais pobres, contra a violência do tráfico e das milícias. Ela teve a coragem de levantar essa temática da luta da mulher negra, que é a primeira a ser atingida pela crise e pela violência”, disse Alice

Dep. Alice Portugal
Dep. Alice Portugal (Foto: Voney Malta)

Bahia 247 - A deputada Alice Portugal (PCdoB/BA) participou nesta quinta-feira (15/03) do Encontro Internacional Parlamentar, no Fórum Social Mundial (FSM) 2018, em Salvador (BA). Antes do início do evento, ela destacou a importância do FSM, que tem sido um espaço democrático e de grande participação popular, e protestou contra a execução da vereadora do PSOL, Marielle Franco, no Rio de Janeiro.

"Iremos ao longo do dia protestar contra a repugnante execução desta jovem vereadora. Marielle lutava nas favelas e nos bairros mais pobres, contra a violência do tráfico e das milícias. Ela teve a coragem de levantar essa temática da luta da mulher negra, que é a primeira a ser atingida pela crise e pela violência. Vamos exigir a imediata e profunda apuração sobre a morte da vereadora, que é um símbolo de que não precisamos de intervenção militar, pois ela não acaba com a violência. Precisamos sim de intervenção social", afirmou Alice.

Sobre o Encontro Internacional Parlamentar, Alice destacou que foi um momento de debater a ofensiva neoliberal que abate a democracia em todo o mundo. "Aqui discutimos a partir desta ótica da luta contra a superexploração e contra a incompatibilidade do sistema do grande capital com as democracias, especialmente aqui na América Latina, onde as democracias vêm sendo atingidas de morte", disse.

A deputada ainda convocou a todos para o grande ato, às 17h, no estádio de Pituaçu, com a presença do ex-presidente Lula. "Espero que este não seja o derradeiro ato de Lula em liberdade", disse.
Com assessoria

Bahia 247 - A deputada Alice Portugal (PCdoB/BA) participou nesta quinta-feira (15/03) do Encontro Internacional Parlamentar, no Fórum Social Mundial (FSM) 2018, em Salvador (BA). Antes do início do evento, ela destacou a importância do FSM, que tem sido um espaço democrático e de grande participação popular, e protestou contra a execução da vereadora do PSOL, Marielle Franco, no Rio de Janeiro.

 

“Iremos ao longo do dia protestar contra a repugnante execução desta jovem vereadora. Marielle lutava nas favelas e nos bairros mais pobres, contra a violência do tráfico e das milícias. Ela teve a coragem de levantar essa temática da luta da mulher negra, que é a primeira a ser atingida pela crise e pela violência. Vamos exigir a imediata e profunda apuração sobre a morte da vereadora, que é um símbolo de que não precisamos de intervenção militar, pois ela não acaba com a violência. Precisamos sim de intervenção social”, afirmou Alice.

 

Sobre o Encontro Internacional Parlamentar, Alice destacou que foi um momento de debater a ofensiva neoliberal que abate a democracia em todo o mundo. “Aqui discutimos a partir desta ótica da luta contra a superexploração e contra a incompatibilidade do sistema do grande capital com as democracias, especialmente aqui na América Latina, onde as democracias vêm sendo atingidas  de morte”, disse.

 

A deputada ainda convocou a todos para o grande ato, às 17h, no estádio de Pituaçu, com a presença do ex-presidente Lula. “Espero que este não seja o derradeiro ato de Lula em liberdade”, disse.

Com assessoria

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247