Na Paraíba, tio renega apoio a Cássio Cunha Lima

O tio do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), Renato Cunha Lima, anunciou que apoiará a reeleição do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB); o empresário, que apoia o socialista em detrimento da viabilização da candidatura do sobrinho ao Governo do Estado, afirmou ainda que “Campina Grande não gosta de traíra”; desde o rompimento com o projeto do PSB, Cássio Cunha Lima tenta viabilizar, junto ao presidenciável e presidente do partido tucano, Aécio Neves, a sua candidatura rumo ao Governo da Paraíba

O tio do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), Renato Cunha Lima, anunciou que apoiará a reeleição do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB); o empresário, que apoia o socialista em detrimento da viabilização da candidatura do sobrinho ao Governo do Estado, afirmou ainda que “Campina Grande não gosta de traíra”; desde o rompimento com o projeto do PSB, Cássio Cunha Lima tenta viabilizar, junto ao presidenciável e presidente do partido tucano, Aécio Neves, a sua candidatura rumo ao Governo da Paraíba
O tio do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), Renato Cunha Lima, anunciou que apoiará a reeleição do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB); o empresário, que apoia o socialista em detrimento da viabilização da candidatura do sobrinho ao Governo do Estado, afirmou ainda que “Campina Grande não gosta de traíra”; desde o rompimento com o projeto do PSB, Cássio Cunha Lima tenta viabilizar, junto ao presidenciável e presidente do partido tucano, Aécio Neves, a sua candidatura rumo ao Governo da Paraíba (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Pernambuco 247 - O tio do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), Renato Cunha Lima, anunciou que apoiará a reeleição do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB). O empresário, que apoia o socialista em detrimento da viabilização da candidatura do sobrinho ao Governo do Estado, afirmou ainda que “Campina Grande não gosta de traíra”. O disparo foi feito durante a cerimônia de assinatura da ordem de serviço para pavimentar a PB-077 que liga os municípios de Cuitegi e Pilões.

Renato Lima afirmou que o município de Campina Grande, segunda maior cidade do Estado, já havia sido palco, no passado, de situações semelhantes com consequências que perduram até hoje para os políticos envolvidos. O empresário defendeu, ainda, o vice-governador Rômulo Gouveia (PSD), aliado de Cássio Lima e que, de acordo com Renato, foi um dos mais prejudicados pelo rompimento político entre o tucano e Coutinho.

De acordo com Renato, Gouveia deverá continuar no posto de vice-governador na chapa da Frente Popular. “Rômulo permanece no mesmo lugar para onde foi indicado por Cássio Cunha Lima nas eleições de 2010”, afirmou o empresário para o Mais PB.  Após o rompimento com o projeto do PSB, Cássio Cunha Lima tenta viabilizar, junto ao presidenciável e presidente do partido, Aécio Neves, a sua candidatura rumo ao Governo da Paraíba.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email