Coronavírus derrota generais de Bolsonaro

247 - Em sua coluna na Folha de São Paulo nesta quarta-feira, o jornalista Nelson de Sá informa sobre o destaque que a agência Reuters dá à pandemia da Covid-19 no Brasil, que "passou os EUA em mortos por dia” e “pode passar de 125 mil mortos em agosto, diz estudo dos EUA”. 

O jornalista da Folha relata que a Reuters fez "longa investigação", que mobilizou seis repórteres e saiu por New York Times e outros, mostrando como “Bolsonaro colocou generais para combater", ressaltando que o Brasil "está perdendo a batalha”.

A Reuters rememora que quando o general Braga Netto assumiu a Casa Civil, esta promoveu uma "intervenção" e diluiu a ordem do Ministério da Saúde para cancelar cruzeiros e eventos.

De acordo com a agência, foi o primeiro de vários movimentos em que “o poder foi mudando da Saúde para a Casa Civil liderada por um general do Exército”. Saíram dois ministros da Saúde e “o interino agora é outro general do Exército”. Ambos e vários outros liderados por “um ex-capitão de extrema direita do Exército”.

A Reuters também cita que Solange Vieira, “aliada de Paulo Guedes” no governo, disse, diante das projeções feitas pela Saúde em março: “É bom que as mortes se concentrem entre os idosos. Melhorará nosso desempenho econômico, reduzirá nosso déficit previdenciário.”

Nelson de Sá também comenta em sua coluna a repercussão na imprensa estrangeira dos ataques de Bolsonaro à liberdade de expressão no Brasil. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio