DCM: “Bolsonaro está descobrindo que nunca passou de um cachorro louco”

Jornalista Kiko Nogueira, afirma, no Diario do Centro do Mundo, que o presidenciável pelo PSC, Jair Bolsonaro (RJ), "está sendo destruído pela mesma mídia sem a qual ele não existiria. Nem Sheherazade o quer mais"; "Está descobrindo que nunca passou de um cachorro louco e seu lugar é no canil da Casa Grande"; segundo o blogueiro, o parlamentar "não vai perder um único voto, já que seus seguidores analfabetos funcionais o amam por motivos outros. Basicamente, seu jeitinho fascista de ser. Mas não vai ganhar novos"

Jornalista Kiko Nogueira, afirma, no Diario do Centro do Mundo, que o presidenciável pelo PSC, Jair Bolsonaro (RJ), "está sendo destruído pela mesma mídia sem a qual ele não existiria. Nem Sheherazade o quer mais"; "Está descobrindo que nunca passou de um cachorro louco e seu lugar é no canil da Casa Grande"; segundo o blogueiro, o parlamentar "não vai perder um único voto, já que seus seguidores analfabetos funcionais o amam por motivos outros. Basicamente, seu jeitinho fascista de ser. Mas não vai ganhar novos"
Jornalista Kiko Nogueira, afirma, no Diario do Centro do Mundo, que o presidenciável pelo PSC, Jair Bolsonaro (RJ), "está sendo destruído pela mesma mídia sem a qual ele não existiria. Nem Sheherazade o quer mais"; "Está descobrindo que nunca passou de um cachorro louco e seu lugar é no canil da Casa Grande"; segundo o blogueiro, o parlamentar "não vai perder um único voto, já que seus seguidores analfabetos funcionais o amam por motivos outros. Basicamente, seu jeitinho fascista de ser. Mas não vai ganhar novos" (Foto: Leonardo Lucena)

247 - Jornalista Kiko Nogueira, afirma, no Diario do Centro do Mundo, que o presidenciável pelo PSC, Jair Bolsonaro (RJ), "está sendo destruído pela mesma mídia sem a qual ele não existiria. Nem Sheherazade o quer mais". "Está descobrindo que nunca passou de um cachorro louco e seu lugar é no canil da Casa Grande", diz.

"Há dias a Folha de S.Paulo, depois que a Globo iniciou o serviço, se dedica a esmiuçar os hábitos corruptos do candidato da extrema direita. A devassa demorou a ser feita, dado que Bolso está na Câmara dos Deputados há 27 anos, mas antes tarde do que mais tarde. Além dos filhos na carreira do pai — um deles, Flávio, fenômeno do mercado imobiliário no RJ —, ele empregou ex e atual mulher, tem funcionária fantasma, usa auxílio moradia ('pra comer gente', admite) etc", acrescenta.

Segundo o blogueiro, o parlamentar "não vai perder um único voto, já que seus seguidores analfabetos funcionais o amam por motivos outros. Basicamente, seu jeitinho fascista de ser. Mas não vai ganhar novos". 

"A demonização da esquerda, a papagaiada 'anticomunista' nos protestos pelo impeachment, a radicalização débil mental da classe média, o antipetismo mais rasteiro, a obsessão com a Venezuela e o bolivarianismo — tudo isso foi estimulado em TVs, jornais e revistas. Bolso incorporou esse sentimento e surfou nele sem ser incomodado". "Bolsonaro é fruto da polarização e do discurso de ódio cultivado pela imprensa nos últimos anos", continua Nogueira. 

Leia a íntegra da análise

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247