Equipe da Globo na Bahia é agredida por seguranças e apoiadores de Bolsonaro

Durante visita de Bolsonaro na Bahia, jornalistas tentaram se aproximar, mas seguranças agiram para impedir a aproximação. Um dos seguranças segurou a repórter Camila Marinho pelo pescoço, com a parte interna do antebraço, numa espécie de "mata-leão"

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)


247 - A equipe da TV Bahia, afiliada da Globo, foi agredida neste domingo (12) em Itamaraju por seguranças e por apoiadores de Jair Bolsonaro durante a visita dele à região, atingida pelas chuvas no estado.

De acordo com o G1, a repórter Camila Marinho e o cinegrafista Cleriston Santana aguardavam o pouso do helicóptero do presidente no estádio municipal Juarez Barbosa. Ao descer do helicóptero, o Bolsonaro seguiu em direção à lateral do campo de futebol.

Quando os jornalistas tentam se aproximar, seguranças, que formavam uma espécie de "paredão", agiram para impedir a aproximação. "Um dos seguranças segurou a repórter Camila Marinho pelo pescoço, com a parte interna do antebraço, numa espécie de "mata-leão". No tumulto, essa imagem não pôde registrada", destaca a reportagem.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o G1, um segurança pessoal tentou impedir que os jornalistas erguessem os microfones em direção a Bolsonaro. E, quando os microfones esbarraram nele, disse que os repórteres estavam batendo nas costas dele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Se bater de novo vou enfiar a mão na tua cara. Não bata em mim, não batam em mim", ameaçou.

Um apoiador de Bolsonaro que estava em volta puxou os microfones, e o aparelho da TV Bahia teve a espuma rasgada. A pochete da repórter Camila Marinho também foi arrancada por outro apoiador e depois recuperada por um repórter.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A assessoria de imprensa da Presidência chamou os repórteres dos dois veículos para dentro do local. Um dos integrantes da segurança pediu desculpas pelo que havia ocorrido do lado de fora.

Em nota, a TV Globo afirma que “as agressões deste domingo mostram que já passou da hora de a Procuradoria-Geral da República dar o seu parecer na ação”. Diz também que “é escandalosa a atitude da Presidência de deixar jornalistas à própria sorte, em meio a apoiadores fanáticos, que são insuflados quase diariamente pelo próprio presidente em sua retórica contra o trabalho da imprensa”.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email