Congresso peruano dá o troco e suspende presidente da República

Numa sucessão de ações políticas nesta segunda-feira (30), o preisdente peruano suspendeu o Congresso. Os parlamentares reagiram e destituíram temporariamente o presidente

Presidente Peru
Presidente Peru (Foto: Karel Navarro/Sputnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O presidente do Peru, Martín Vizcarra, ordenou na segunda-feira (30) o fechamento do Congresso e convocou eleições legislativas em meio a uma crise com o Poder Legislativo por conta da nomeação de juízes do Tribunal Constitucional. 

A reação dos parlamentares foi suspender o presidente. 

"De acordo com a Constituição Política do Peru, decidi dissolver constitucionalmente o Congresso e convocar eleições para o Congresso da República; esse é um ato constitucional previsto no artigo 134 da Constituição", afirmou Vizcarra em mensagem televisionada em rede nacional.  

O Congresso, que trataria de uma questão de confiança pleiteada pelo Poder Executivo, aprovando um novo mecanismo para selecionar os membros do Tribunal Constitucional, decidiu contestar o presidente por ignorar o projeto iniciando a seleção de um dos membros desse tribunal diretamente.  

O presidente então optou pela decisão do fechamento que, segundo a Constituição, é um poder presidencial quando o Legislativo nega duas vezes no mesmo mandato a confiança solicitada pelo Executivo.  

Em resposta, o Congresso decidiu pela suspensão "temporária" por um ano de Vizcarra por "incapacidade moral", e nomeou como presidente interina a vice-presidente do parlamento, Mercedes Aráoz. 

"Estou assumindo temporariamente a Presidência da República", afirmou Aráoz antes afirmar que Vizcarra "incorreu em grave infração constitucional".  

O Peru agora vive um impasse institucional, com dois presidentes, Vizcarra e Aráoz.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email