Governo Putin expulsa diplomatas da UE por protestos de opositor russo

A Rússia expulsou diplomatas de três países europeus por participarem de protestos em apoio a Alexei Navalny, opositor do governo Vladimir Putin

Vladimir Putin
Vladimir Putin (Foto: Sputnik/Mikhail Klimentyev/Kremlin via Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Rússia expulsou diplomatas da Alemanha, da Suécia e da Polônia por participarem de protestos em apoio a Alexei Navalny, ativista anticorrupção e principal crítico do presidente russo, Vladimir Putin. A informação foi publicada pela BBC News

Na terça-feira (2), a justiça russa condenou Navalny a três anos e meio de prisão por violar condições de uma sentença de 2014 que foi considerada arbitrária pelo Tribunal Europeu dos Direitos Humanos.

O político voltou à Rússia em 17 de janeiro depois de passar meses na Alemanha em tratamento médico após ter sido envenenado na Sibéria com o agente nervoso Novichok, desenvolvido na antiga União Soviética. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email