Irã diz que EUA e aliados buscam criar caos Oriente Médio

O presidente da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do parlamento iraniano, Alaeddin Boruyerdi, denunciou que ataques contra a Síria como o do último sábado (14) buscam criar caos no Oriente Médio

O presidente da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do parlamento iraniano, Alaeddin Boruyerdi, denunciou que ataques contra a Síria como o do último sábado (14) buscam criar caos no Oriente Médio
O presidente da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do parlamento iraniano, Alaeddin Boruyerdi, denunciou que ataques contra a Síria como o do último sábado (14) buscam criar caos no Oriente Médio (Foto: Reinaldo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Segundo o parlamentar, os estrategistas estadunidenses desenharam, junto com o regime sionista e aliados europeus, a guerra imposta ao país árabe com a intenção de desmembrar a região, indicou Boruyerdi, em declarações divulgadas nesta terça-feira (17) em Teerã.

Segundo o dirigente iraniano, Washington formou e criou grupos terroristas para mudar a estrutura política da Síria, depois de sua derrota estratégica no Iraque.

Em outra parte de suas declarações, Boruyerdi condenou o bombardeio do último sábado executado por Estados Unidos, Reino Unido e França, depois de acusar sem prova alguma o governo sírio de um ataque com armas químicas contra a cidade de Duma, província de Guta Oriental.

O titular da comissão parlamentar iraniana assinalou que essa operação militar pretendia animar os derrotados terroristas na Síria e acabou recebendo forte condenação em todo o mundo.

Foi uma ação ofensiva que se somou a outros fracassos dos Estados Unidos.

Fonte: Prensa Latina

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email