Quem é Andrés Arauz, candidato da esquerda no Equador e favorito para vencer a eleição presidencial

Jovem economista de 35 anos é ex-ministro de Rafael Correa, tem o apoio do ex-presidente e lidera as pesquisas para o pleito deste domingo, com chances de ser eleito já no primeiro turno

(Foto: Twitter/Andrés Arauz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - O primeiro turno das eleições presidenciais no Equador acontece neste domingo (7) e as pesquisas indicam que o candidato favorito é o economista Andrés Arauz, da coligação (União Pela Esperança).

Ministro do Planejamento durante o terceiro e último mandato do ex-presidente Rafael Correa, Arauz tenta se impor como o mais jovem presidente da história do país sul-americano – ele vai completar 36 anos justamente na véspera do dia em que pode ser eleito como o novo mandatário equatoriano. 

A plataforma política de Arauz está baseada em retomar o projeto político de Rafael Correa, com promessa de desfazer as medidas neoliberais do atual presidente Lenín Moreno – que, curiosamente, também foi eleito, em 2017, com o apoio do correísmo, até por ter sido vice-presidente no primeiro mandato da esquerda no Equador, mas acabou traindo o “padrinho político” ainda no primeiro ano, e se tornou um dos seus mais ferrenhos adversários.

Continue lendo na Fórum

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email