“Eu não sabia. Fui atropelado por um trem”, diz general Ramos sobre demissão da Casa Civil

General da reserva conversou longamente com Bolsonaro segunda-feira, depois de sua internação, mas não fazia a menor ideia de que seria demitido dois dias depois. Na reforma do governo, o senador Ciro Nogueira, do Centrão, assumirá o lugar do militar e Luis Eduardo Ramos pode passar para a Secretaria-Geral

Jair Bolsonaro e General Luis Eduardo Ramos
Jair Bolsonaro e General Luis Eduardo Ramos (Foto: ABr | Planalto/Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - “Eu não sabia, estou em choque. Fui atropelado por um trem, mas passo bem”. Foi assim que reagiu o atual ministro da Casa Civil, general Luis Eduardo Ramos, ao saber que será demitido para dar lugar ao senador Ciro Nogueira (PP-PI), líder do Centrão. A declaração foi publicada pelo Estado de S.Paulo.

A reportagem informa que, apesar de ter conversado com Jair Bolsonaro longamente na tarde de segunda-feira (19), quando ele voltou ao Planalto depois da internação em São Paulo, o general da reserva não fazia a menor ideia de que seria demitido dois dias depois.

Considerado um dos mais leais colaboradores e amigos de Bolsonaro, Ramos disse que foi comunicado nesta quarta por Bolsonaro sobre sua saída do comando da pasta para dar lugar a Ciro Nogueira. No entanto, não foi informado de que irá para a Secretaria-Geral da Presidência, no lugar de Onyx Lorenzoni, como noticia a imprensa.

PUBLICIDADE

As notícias dão conta ainda de que Onyx assumirá o Ministério do Trabalho, que será recriado pelo governo, e nesta dança das cadeiras Paulo Guedes, ministro da Economia, perderá poderes, tendo que dividir seu orçamento com o Centrão.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email