DF enfrenta epidemia de dengue há um mês

Boletins semanais divulgados pelo governo do Distrito Federal apontam que Brasília enfrenta uma epidemia de dengue há pelo menos um mês, segundo critérios da Organização Mundial de Saúde (OMS); até a última segunda-feira (25), boletim da Secretaria de Saúde indicava 12.407 casos confirmados e outros 1.907 em investigação; as mais de 12 mil confirmações até agora significam que, para cada 100 mil habitantes do DF, 443 foram infectados pelo vírus da dengue, o que representa 47,7% maior que o limite da epidemia

reg. 004-15 ICB IV Cientistas do Instituto Pasteur de Dakar, Senegal estão no Brasil para ajudar pesquisadores brasileiros a combater Zika Vírus. Mosquitos Aedes aegypti no laboratório de Espectrometria de Massa. 08/01/2016 Foto Marcos Santos
reg. 004-15 ICB IV Cientistas do Instituto Pasteur de Dakar, Senegal estão no Brasil para ajudar pesquisadores brasileiros a combater Zika Vírus. Mosquitos Aedes aegypti no laboratório de Espectrometria de Massa. 08/01/2016 Foto Marcos Santos (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 - Boletins semanais divulgados pelo governo do Distrito Federal apontam que Brasília enfrenta uma epidemia de dengue há pelo menos um mês, segundo critérios da Organização Mundial de Saúde (OMS). Até a última segunda-feira (25), boletim da Secretaria de Saúde indicava 12.407 casos confirmados e outros 1.907 em investigação.

As mais de 12 mil confirmações até agora significam que, para cada 100 mil habitantes do DF, 443 foram infectados pelo vírus da dengue, o que representa 47,7% maior que o limite da epidemia. 

Uma doença pode ser considerada epidemia se atingir mais de 300 pessoas a cada 100 mil habitantes, de acordo com os parâmetros da Organização Mundial da Saúde (OMS). Com uma população estimada em 2,8 milhões de pessoas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2014, o DF precisaria de 8,4 mil casos para entrar na classificação. O número foi atingido no fim de março.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247