Alexandre determina ‘perícia imediata’ em celulares encontrados com deputado Daniel Silveira na prisão

Os aparelhos foram apreendidos no início da tarde de ontem. Depois disso, o deputado passou por uma audiência de custódia, quando foi mantida a prisão em flagrante

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que os dois celulares entrados com o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) na Superintendência da Polícia Federal no Rio, onde ele estava preso, sejam periciados. A informação é do jornal Estado de S.Paulo.

“Determino a imediata perícia dos aparelhos apreendidos, com todos os seus dados e remessa dos laudos para o presente inquérito”, diz o despacho assinado nesta quinta-feira, 18.

Os aparelhos foram apreendidos no início da tarde de ontem. Depois disso, o deputado passou por uma audiência de custódia, quando foi mantida a prisão em flagrante até um pronunciamento oficial da Câmara sobre o caso. Com a decisão, ele foi transferido ao Batalhão Especial Prisional da Polícia Militar, em Niterói, na região metropolitana do Rio.

Bolsonarista radical, Silveira foi preso na última terça-feira (16) após atacar ministros do STF e defender o AI-5. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email