Em meio à pandemia, Doria realiza despejo de famílias pobres em Piracicaba

Em documento, pelo menos 26 grupos, entre partidos políticos, entidades, coletivos e centros acadêmicos argumentam que o despejo dificultará ainda mais ações de isolamento social em meio à pandemia do coronavírus

(Foto: EBC)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - No estado com o maior número de confirmações e mortes por coronavírus, o governo de São Paulo, João Doria, faz despejo de famílias em piracicaba (SP). De acordo com a comunidade Taquaral, há pelo menos 50 famílias na área. 

Em ofício, a Casa de Cultura Hip Hop e mais 25 grupos, entre partidos políticos, entidades, coletivos e centros acadêmicos pediram intervenção da prefeitura no caso.

No documento, eles argumentam que o despejo dificultará ainda mais ações de isolamento social em meio à pandemia. O estado de São Paulo tem pelo menos 37.853 confirmações e 3.045 falecimentos por conta da covid-19.

"Tirar essas famílias de suas moradias é como coloca-las frente a doença que todos tememos, é um assassinato coletivo e a Prefeitura não pode ser conivente com tal ação ameaçadora", dizem.

"Essas famílias são atendidas no trabalho de distribuição de alimentos da Casa do Hip Hop, em parceria com a sociedade civil e a prefeitura, por isso, temos como dever proteger e assegurar não apenas a alimentação, mas também o direito à moradia, saúde e segurança", acrescentam.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247