Gleisi: Temer finge que não foi mentor do golpe

"No Roda Viva, Temer confessa que impeachment contra Dilma foi golpe e que ida de Lula para o governo salvaria mandato, mas ainda finge que não foi um dos mentores. Temer acabou completando um pedaço da história, ficando evidentes o erro do STF e atuação política da Lava Jato", afirmou a presidente nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR)

Gleisi Hoffmann
Gleisi Hoffmann (Foto: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados)

247 - A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), criticou Michel Temer e afirmou que ele completou um "pedaço da história" ao reconhecer o golpe contra Dilma Rousseff. Ela tinha o emedebista como vice em 2016, quando saiu do cargo acusada de ter cometidas as chamadas "pedaladas fiscais", mas foi inocentada pelo Ministério Público Federal (MPFDFT) e pela perícia do Senado.

"No Roda Viva, Temer confessa que impeachment contra Dilma foi golpe e que ida de Lula para o governo salvaria mandato, mas ainda finge que não foi um dos mentores. Temer acabou completando um pedaço da história, ficando evidentes o erro do STF e atuação política da Lava Jato", escreveu a parlamentar no Twitter.

Em entrevista ao Roda Viva, Temer afirmou: "Eu jamais apoiei ou fiz empenho pelo golpe".

Conheça a TV 247

Mais de Sul

Ao vivo na TV 247 Youtube 247