O depoimento de Lula para o povo; assista

“Se um dia precisar mentir pra vocês, eu prefiro que um ônibus me atropele, em qualquer rua deste país”, discursou Lula, indo ao choro na Praça Santos Andrade (UFPR); como diz o jornalista Esmael Morais, "este é o verdadeiro depoimento de Luiz Inácio Lula da Silva, que vale, dado em Curitiba, nesta quarta-feira (10), a 60 mil pessoas"

“Se um dia precisar mentir pra vocês, eu prefiro que um ônibus me atropele, em qualquer rua deste país”, discursou Lula, indo ao choro na Praça Santos Andrade (UFPR); como diz o jornalista Esmael Morais, "este é o verdadeiro depoimento de Luiz Inácio Lula da Silva, que vale, dado em Curitiba, nesta quarta-feira (10), a 60 mil pessoas"
“Se um dia precisar mentir pra vocês, eu prefiro que um ônibus me atropele, em qualquer rua deste país”, discursou Lula, indo ao choro na Praça Santos Andrade (UFPR); como diz o jornalista Esmael Morais, "este é o verdadeiro depoimento de Luiz Inácio Lula da Silva, que vale, dado em Curitiba, nesta quarta-feira (10), a 60 mil pessoas" (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Do Blog do Esmael - Este é o verdadeiro depoimento de Luiz Inácio Lula da Silva, que vale, dado em Curitiba, nesta quarta-feira (10), a 60 mil pessoas.

Lula disse que saiu “frustrado” da audiência com o juiz Sérgio Moro porque esperava uma “escritura” ou prova de “pagamento” do tríplex atribuído a ele.

“Se um dia precisar mentir pra vocês, eu prefiro que um ônibus me atropele, em qualquer rua deste país”, discursou Lula, indo ao choro na Praça Santos Andrade (UFPR).

No pronunciamento desta noite, ao povo, Lula adiantou que será candidato a presidente da República.

“Eu estou vivo. Eu estou me preparando para voltar a ser candidato a presidente deste país. Eu nunca tive tanta vontade como eu tenho agora. Vontade de fazer mais, de fazer melhor. Era provar mais uma vez que se a elite brasileira não tem competência de consertar esse país, um metalúrgico de 4ª ano primário vai provar que é possível consertar esse país”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email