CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Agro

JBS prevê melhora nas margens da Seara

Os resultados da empresa do setor de alimentos foram afetados negativamente pelo excesso de oferta global de aves e pelos altos preços dos grãos

Açougueiro descarrega carne de um caminhão do lado de fora de um açougue em São Paulo (Foto: Paulo Whitaker / Reuters)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Por Ana Mano

SÃO PAULO (Reuters) - A JBS disse esperar que as margens de sua unidade de alimentos processados ​​Seara no Brasil atinjam dois dígitos no início de 2024, citando melhorias operacionais implementadas pela gestão para fortalecer a unidade.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A JBS, que divulgou resultados financeiros na terça-feira abaixo do previsto por analistas, disse que a Seara e a divisão de carne bovina dos EUA apresentaram os maiores desafios para a empresa no ano passado, quando registrou prejuízo de cerca de 1 bilhão de reais, em comparação com lucro real de 15,457 bilhões de reais em 2022.

Os resultados da JBS também foram afetados negativamente pelo excesso de oferta global de aves e pelos altos preços dos grãos, especialmente no primeiro semestre de 2023.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Nos EUA, a falta de fornecimento de gado tornou negativo o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da empresa no último trimestre de 2023, segundo demonstrativo de resultados.

Em teleconferência para discutir resultados trimestrais, a administração da JBS disse que o segmento de carne bovina dos EUA continuará enfrentando dificuldades este ano.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Em relação à Seara, o CEO Gilberto Tomazoni disse que a divisão está preparada para reportar margens de dois dígitos no primeiro trimestre, à medida que a empresa identifica problemas e está executando um plano para tornar os processos industriais mais eficientes.

(Por Ana Mano)

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO