Exobrasil, o universo paralelo desse país

Lá tudo pode acontecer, descumpre-se a Constituição do país vizinho, e aniquilam-se quaisquer medidas atenuantes aos seus condenados. Só existe uma verdade e uma lei, a tinta preta da caneta do Presidente-Rei

Bem distante da superfície, próximo a algum lugar inimaginável  afastado do sistema solar, mais precisamente no nucleotídeo do Planalto Central, é que descobri  o mais novo Brasil do Planeta. O entedioso e gigante -  AP 470-STF.

Um Brasil que cria leis para punir e prender velhos desafetos políticos desse outro Brasil aqui.

Lá tudo pode acontecer, descumpre-se a Constituição do país vizinho, e aniquilam-se quaisquer medidas atenuantes aos seus condenados. Só existe uma verdade e uma lei, a tinta preta da caneta do Presidente-Rei, que assina fugazmente o destino de pessoas inocentes, de acordo com o domínio da sua teoria do fato. 

O Local  é tão frio, mas tão frio, que a água encontra-se no estado mais rígido possível, difícil até mesmo de triturar e engolir. Contrariando a geologia, onde aprendemos que o centro da terra é quente. Só- lá -que -não!

Esse Exobrasil é bem diferente do nosso País. Homens de bem encontram-se enjaulados e sem direito à trabalho nenhum. Enquanto bestas-feras, perdem –se nas florestas das colunas secas, gargalhando ao sabor da rigidez do ar denso e rarefeito.

O espectro de radiação é tão forte nesse lugar, que em seus corredores , existe uma espécie de magma as avessas. Lá ouvem-se  coisas  que nunca foram ditas. E elas, não duvidem,  ainda se materializam. 

Verdades se tornam mentiras. Quebram-se o lacre de reputações históricas e magnetizam-se atitudes desumanas, das mais cruéis possíveis de acreditar. Essa é a essência mais intrínseca dos Seres de lá, também conhecidos com Trans-terrestres.

Alguém ai quer saber  onde fica esse tal de Exobrasil?  Simples, no planeta-país presidido pelo exmo senhor da capa preta e da razão única.

Cisnes Negros bailam num lago de espesso concreto congelado. Onde o clone da deusa Themis da justiça, está despida, nua e sem pelo.  Usando somente um  tapa-seio e um tapa- olho. Não tem balança, mais abarca um punhal  todo enferrujado.

Lá se enxerga monodirecionado, lados são apenas furtivos  e há muita energia egocêntrica ao redor.

A força motriz utilizada para gerar iluminação nesse lugar é a pessoal, passional, intransigente e intransferível; Incrível!

Lá é tão escuro e sombrio, que até o capeta não se atreve aproximar. O inferno  pras bandas de lá, é  feito  céu de Dante.

Bom, mas tem o milagre da multiplicação das auto-leis. Realmente um lugar para muito poucos, não creio que para os bons. 

Situado no núcleo desse planeta Brasil, o AP 470-STF, ainda dá algum paninho pra manga, calça ou saia, da  Grande Imprensa marrom  azul-z-verde. Somente para eles.

Nem de longe quero passar nesse lugar, que é muito fácil de encontrar. Ele está numa nuvem negra, de estrelas nada celestiais. 

 Agora que o encontrei, quero perdê-lo novamente e nunca mais o  encontrar. De novo, de novo?  Acho que não tem nem mesmo um nome, apenas a abreviatura  de AP 470-STF, que significa:  

“Alguns Poucos Seres Trans-terráqueos  que  Fiscalizam e Focalizam.  E que se encontram  há quatrocentos milésimos de milhões de anos subenterrados no centro do orifício desse País.”

E que fique bem  claro nos créditos finais desse texto revelador realista-fantástico:

Qualquer semelhança  com a realidade de algum lugar que você já ouviu falar nessa vida, é pura e mera coincidência. Mas por favor, não avisem a NASA, FBI, CIA, KGB ,SCOTTLAND YARD, POLÍCIA FEDERAL. E nem à Darth Vader, Capitão Kirk, Batman, Homem Aranha, Hulk, Thor, Obama, Putim, Kim Jong-un , e nem ao todo poderoso Ministro Joaquim Barbosa.  Afinal,  quantos menos matrizes souberem, mais difíceis serão os seus clones. Será?

PS: Minha singela  homenagem ao Gênio e Nobre escritor Gabriel García Marquez.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247