Fundações de Partidos articulam lançar em Brasília movimento "Observatório da Democracia" para enfrentar retrocessos

Novidade nas articulações políticas nacionais. As principais Fundações de Estudos Políticos do País avançam em entendimentos para lançar no próximo dia 31, em Brasília, o movimento denominado "Observatório da Democracia" visando combater as Políticas de retrocesso humanista no Brasil. A articulação envolve as fundações de diversos partidos, entre eles PSB, PT, PC do B, PROS, PSOL e Solidariedade

Fundações de Partidos articulam lançar em Brasília movimento "Observatório da Democracia" para enfrentar retrocessos
Fundações de Partidos articulam lançar em Brasília movimento "Observatório da Democracia" para enfrentar retrocessos (Foto: Paulo Pinto/ Agência PT)


Novidade nas articulações políticas nacionais. As principais Fundações de Estudos Políticos do País avançam em entendimentos para lançar no próximo dia 31, em Brasília, o movimento denominado "Observatório da Democracia" visando acompanhar, combater e denunciar aos organismos internacionais as Políticas de retrocesso humanista no Brasil.

A articulação envolve as fundações de diversos partidos, entre eles PSB, PT, PC do B, PROS, PSOL e Solidariedade.

A reportagem da Revista NORDESTE confirmou a articulação em curso com o presidente da Fundação João Mangabeira, ex-governador Ricardo Coutinho.

- De fato há uma grande mobilização envolvendo as fundações de diversos partidos para lançamento do "Observatório da Democracia", cujo objetivo é monitorar as Políticas e combater todo tipo de retrocesso contra a sociedade brasileira - confirmou ele.

Ricardo Coutinho disse ainda que o Movimento pela Democracia tende a ser o principal Farol da nova fase política brasileira por um fator:

- Ao longo dos anos, mesmo com os retrocessos registrados na vida nacional, todos os partidos de Centro - Esquerda aos quais as fundações estão vinculadas, sempre defenderam e acataram o jogo político de disputa na Democracia e é em nome dela que vamos radicalizar para impedir pautas negativas contra o povo brasileiro - concluiu.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247