Hajjar, Textor e o fim da pandemia

"Esses recortes podem ser o combustível de que precisamos para suportar os meses que restam para o fim também do pior governo da história"

www.brasil247.com -
(Foto: Mário Oliveira/SEMCOM)


Em dois anos de pandemia centenas de médicos e cientistas expuseram sobre a Covid-19, alertaram para a importância da vacinação, dos protocolos sanitários e das medidas preventivas para o controle da doença. 

A CPI da pandemia ouviu médicos bolsonaristas que defenderam o tratamento via remédios sem comprovação científica, em detrimento do isolamento e da vacinação. 

Passado todo esse tempo, tenho direcionado minha atenção para o que diz a cardiologista e intensivista, Ludhmila Hajjar, que sofreu tentativa de nomeação para o Ministério da Saúde e recusou por ética e competência. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Hajjar afirmou que os pacientes com Covid-19 nas UTIs são aqueles que não tomaram a vacina contra a doença, e que o alto número de profissionais de saúde infectados na nova onda de casos é em decorrência da variante Ômicron. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“As UTIs estão atualmente só com casos de covid entre os não vacinados. Os imunizados dificilmente passam do atendimento ambulatorial. Como intensivista, tenho visto cada vez mais pacientes internados arrependidos de não terem sido vacinados. Eles chegam com a forma grave da doença, se arrependem, porém, já é tarde – afirmou Ludhmila. 

Da pandemia para a alegria. O Botafogo virou clube empresa através da SAF - Sociedade Anônima do Futebol. O empresário estadunidense John Textor ligado ao ramo de conteúdos de mídia, considerado ‘guru da realidade virtual de Hollywood’, é o investidor que detêm 90% do futebol do glorioso.  

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Bilionário e amante do futebol, Textor, além do Botafogo, investiu em um clube no Reino Unido e outro na Bélgica. 

Aproximando o conhecimento científico de Ludhmila Hajjar, do empreendimento arrojado de John Textor, penso que o fim da pandemia pode estar acontecendo. 

A Ômicron, vitimando os não vacinados, pode despertar a consciência de que precisam se vacinar, o que aceleraria a vacinação de quase 100% da população, o que seria o fim da pandemia. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Um empresário norte-americano visionário e bem sucedido investir milhões de dólares na América Latina, é sinal de que os ventos da esperança estão soprando do lado de cá. 

Esses recortes podem ser o combustível de que precisamos para suportar os meses que restam para o fim também do pior governo da história.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email