Alckmin confirma filiação ao PSB para ser vice de Lula e lembra Eduardo Campos

"O momento exige grandeza política, espírito público e união", declarou o ex-governador. Evento de filiação deve ocorrer na próxima quarta-feira

Geraldo Alckmin e Lula
Geraldo Alckmin e Lula (Foto: Ricardo Stuckert | Reprodução)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O ex-governador Geraldo Alckmin confirmou pelo Twitter nesta sexta-feira (18) que se filiará ao PSB. O ingresso na sigla é um passo importante para a formalização da aliança entre o ex-tucano e o ex-presidente Lula (PT).

Alckmin deve ser anunciado em breve como candidato a vice-presidente na chapa presidencial do petista. 

continua após o anúncio

"O tempo da mudança chegou! Depois de conversar muito e ouvir muito eu decidi caminhar com o Partido Socialista Brasileiro - PSB. O momento exige grandeza política, espírito público e união. A política precisa enxergar as pessoas. Não vamos deixar ninguém para trás. Nosso trabalho para ajudar a construir um país mais justo e pronto para o enfrentamento dos desafios que estão postos está só começando", declarou pela rede social.

Banner publicado por Alckmin cita frase do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, morto em um acidente aéreo durante a campanha eleitoral de 2014: "não vamos desistir do Brasil". Ele era do PSB.

continua após o anúncio

A expectativa é de que o evento de filiação aconteça na próxima quarta-feira (23) em Brasília.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247