CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Empresa do agro de São Paulo seria responsável pela distribuição de dinheiro para caravana pró-bolsonaro

De acordo com a empresa de ônibus, a locação foi feita pela empresa Máquinas Agrícolas Jacto S.A. tem sua fábrica na cidade de Pompeia, e é comandada hoje por Ricardo Nishimura, sobrenome que é também mencionado no vídeo

(Foto: Reprodução)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A empresa Máquinas Agrícolas Jacto S.A., que tem sua fábrica na cidade de Pompéia, no interior do estado de São Paulo, seria a responsável pelos pagamentos de bolsonaristas que foram em caravana até Brasília para manifestar 'apoio' a Jair Bolsonaro.

Vídeo que circula nas redes sociais mostra bolsonaristas dentro de um ônibus e as pessoas teriam sido pagas a estar na manifestação. O pagamento é feito em dinheiro vivo, pelos organizadores da caravana. "Olha isso, cara, eu achei que era brincadeira meu. Uma camiseta pra cada um, mais o ônibus, mais cem reais para cada um", diz uma voz. "Grupo Jacto, que deus o abençoe."

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

De acordo com reportagem do Congresso em Foco, a empresa dona dos ônibus, a Santo Antônio Turismo, informou que houve a contratação de seis ônibus da frota para atender o transporte de cerca de 250 pessoas. O gerente ouvido pela reportagem disse que a Jacto foi a contratante do serviço.

A empresa Máquinas Agrícolas Jacto S.A. tem sua fábrica na cidade de Pompeia, e é comandada hoje por Ricardo Nishimura, sobrenome que é também mencionado no vídeo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO