Partidos e movimentos da Frente Fora Bolsonaro convocam novos atos para 19 de junho

Diante do sucesso das manifestações realizadas no dia 29 de maio em todo o País, a reunião da coordenação da Frente Fora Bolsonaro, realizada nesta quarta-feira, 2, marcou novos atos por “Fora Bolsonaro”, vacina, emprego e auxílio para o dia 19 de junho

(Foto: Mídia Ninja)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Diante do sucesso das manifestações realizadas no dia 29 de maio em todo o País, a reunião da coordenação da Frente Fora Bolsonaro, realizada nesta quarta-feira, 2, marcou novos atos por “Fora Bolsonaro”, vacina, emprego e auxílio para o dia 19 de junho.

Os atos serão a continuação da jornada de lutas que acarretaram nas manifestações do dia 29. Participam da frente os principais partidos e organizações da esquerda, como o PSOL, PT, a CUT, UNE, movimentos sociais, entre outras entidades.

O coordenador da Frente Povo Sem Medo, Guilherme Boulos (PSOL), comentou o anúncio da nova manifestação. 


Os atos já foram convocados pela União Nacional dos Estudantes (UNE) nas redes sociais. “Dia 19 de junho ocuparemos novamente as ruas de todo o Brasil, e dessa vez será maior! Organize os atos na sua cidade, mobilize assembleias do seu curso e universidades”, escreveu a entidade no Twitter.

A reunião da coordenação da frente também decidiu a convocação de uma plenária, ainda sem data informada, com a participação de lideranças como o ex-presidente Lula (PT), principal nome da esquerda para vencer Jair Bolsonaro nas eleições de 2022.

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email