CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Polícia Federal investiga viagem de Anderson Torres à Bahia entre o 1º e o 2º turno das eleições presidenciais

O ex-ministro da Justiça de Bolsonaro se mobilizou para sabotar comparecimento de eleitores de Lula no segundo turno

Anderson Torres e a PF (Foto: Abr)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Uma viagem de Anderson Torres à Bahia entre o primeiro e o segundo turno das eleições de 2022 colocou o ex-ministro da Justiça de Jair Bolsonaro no foco de uma investigação sigilosa para apurar como foi montada a operação da Polícia Rodoviária Federal que bloqueou as estradas do Nordeste no dia do segundo turno, informa a jornalista Malu Gaspar no Globo.

A PF apura se houve um esforço dirigido para impedir que eleitores de Lula chegassem aos locais de votação

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A colunista destaca que o inquérito tenta reconstituir a forma como o governo Bolsonaro se preparou para sabotar Lula no segundo turno. A investigação, que se soma às apurações sobre a minuta golpista, deve complicar ainda mais a vida do ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro.  

Segundo o que a Polícia Federal já apurou, no final da manhã da quarta-feira 26 de outubro, o ex-ministro da Justiça Torres e seus assessores se reuniram com o superintendente da Polícia Federal na Bahia, Leandro Almada, e seus dois assessores diretos, os delegados Flávio Marcio Albergaria Silva e Marcelo Werner Derschum Filho, com o objetivo de ordenar que a Polícia Federal se engajasse, com equipes e trabalho de inteligência, na operação que o Ministério da Justiça planejara com a Polícia Rodoviária Federal nos ônibus e veículos que transportariam eleitores no domingo, com vistas a parar todos os que apresentassem qualquer tipo de irregularidade. O objetivo era sabotar o comparecimento de eleitores de Lula nas urnas.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO