TSE está a um voto da cassação de deputado bolsonarista que espalhou fake news sobre urnas

O deputado Fernando Francischini (Solidariedade-PR) está para ser cassado por espalhar informação falsa sobre a urna eletrônica, seguindo o exemplo de Jair Bolsonaro

Fernando Francischini (Solidariedade-PR)
Fernando Francischini (Solidariedade-PR) (Foto: LUIS MACEDO/ANB)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) teve nesta terça-feira (19) três votos a favor da cassação do mandato do deputado estadual Fernando Francischini (Solidariedade-PR) devido à publicação de um vídeo no dia das eleições de 2018 em que ele afirmava que as urnas eletrônicas haviam sido fraudadas para impedir a votação no então candidato a presidente Jair Bolsonaro.

O julgamento foi interrompido por um pedido de vista do ministro Carlos Horbach. Falta apenas um voto, dentre os quatro que ainda serão proferidos, para cassar o deputado bolsonarista. 

continua após o anúncio

Até o momento, os ministros Luís Felipe Salomão, Mauro Campbell Marques e Sérgio Banhos votaram a favor do pedido feito pelo Ministério Público Eleitoral para cassar Francischini por espalhar fake news, informa a Folha de S.Paulo.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247