'Em janeiro do ano que vem, a gente começa a vacinar todo mundo', diz Pazuello

"A gente está fazendo os contratos com quem fabrica a vacina, e a previsão é de que essa vacina chegue para nós a partir de janeiro. Em janeiro do ano que vem, a gente começa a vacinar todo mundo", disse o general em reunião ministerial

Ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello
Ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello​, disse nesta terça-feira, 8, que em janeiro o Brasil irá vacinar toda a população contra o novo coronavírus.

"A gente está fazendo os contratos com quem fabrica a vacina, e a previsão é de que essa vacina chegue para nós a partir de janeiro. Em janeiro do ano que vem, a gente começa a vacinar todo mundo", disse em reunião ministerial.

Jair Bolsonaro tem dito que a vacina não pode ser obrigatória para a população brasileira. "Não tem como amarrar o cara e vacinar", afirmou ele nesta terça-feira.

A candidata a vacina no Brasil é a produzida pela Universidade de Oxford em parceria com a Fiocruz e está na terceira fase de testes. Uma vez aprovada, a vacinação será feita em duas doses. O ministério prevê que chegarão ao País 100,4 milhões de doses da vacina, inicialmente.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247