Bolsonaro se reuniu ao menos 27 vezes com integrantes de “gabinete paralelo”

Levantamento foi feito com base em dados da agenda presidencial

Bolsonaro com Osmar Terra, Arthur Weintraub e Carlos Wizard
Bolsonaro com Osmar Terra, Arthur Weintraub e Carlos Wizard (Foto: Carolina Antunes/PR | Reprodução)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Jair Bolsonaro se reuniu ao menos 27 vezes com integrantes do “gabinete paralelo”, que recomendava o uso de remédios sem eficácia comprovada, como a cloroquina, em pacientes com Covid-19, no Palácio do Planalto. 

De acordo com o site Metrópoles, a reportagem foi feita com base em dados da agenda presidencial e considerou as reuniões que Bolsonaro manteve , entre março de 2020 e maio de 2021, com o ex-assessor especial da Presidência Arthur Weintraub; o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos RJ), filho do presidente; o empresário Carlos Wizard; o médico Luciano Dias Azevedo; o deputado Osmar Terra (MDB-RS); e a médica Nise Yamaguchi. Todos são suspeitos de integrarem o gabinete paralelo, investigado pela CPI da Covid.

continua após o anúncio

O deputado Osmar Terra (MDB-RJ) foi quem mais se reuniu com Bolsonaro ao longo da pandemia. Ao todo, foram 17 encontros, dos quais 12 contaram com a presença de outras pessoas. 

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

continua após o anúncio

 

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247