Investidores da Americanas vão à Justiça contra PwC e pedem indenização por prejuízos sofridos

Pedido cobra que responsabilidade da empresa de auditoria seja reconhecida no rombo da varejista e também exige compensação por "danos difusos" à segurança do mercado brasileiro

Loja Americanas e PwC
Loja Americanas e PwC (Foto: Reprodução)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Investidores da Americanas representados pelo Instituto Brasileiro de Ativismo Societário e Governança (Ibrasg) entraram, nesta segunda-feira (6), com uma ação na Justiça de São Paulo contra a empresa de auditoria PwC, responsável por fiscalizar os balanços da gigante varejista entre 2019 e 2022. A informação é da coluna do Lauro Jardim do jornal O Globo.

O pedido é para que a responsabilidade da empresa de auditoria seja reconhecida no rombo da Americanas e que a PwC arque com uma indenização aos investidores pelos prejuízos sofridos após as ações da varejista despencarem com a divulgação do rombo. Também é requerida uma compensação por "danos difusos" à segurança do mercado brasileiro.

continua após o anúncio

>>> Bilionários da Americanas que deram calote no mercado já estão no Rio para reunião na segunda-feira com a Alvarez & Marsal

O documento afirma que a PwC teria sido "diretamente responsável pelos danos decorrentes do ilícito informacional em face dos investidores" da Americanas. Além disso, os investidores apontam que a empresa ignorou os deveres impostos pela CVM às empresas de auditoria independente "ao aprovar sistematicamente, sem ressalvas, as demonstrações financeiras" da Americanas por quatro anos.

continua após o anúncio

A coluna pondera, no entanto, que "um eventual desfecho desfavorável à PwC nesta causa pode representar um ganho para a Americanas, ainda que a companhia não seja parte do processo. Se forem reconhecidas falhas na auditoria, a Americanas terá margem ampla de defesa para a empresa e seus controladores".

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

 

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247