Atletas estudam proposta e impasse na NBA continua

Aps cerca de 11 horas de negociao, o ltimo encontro terminou sem acordo

Atletas estudam proposta e impasse na NBA continua
Atletas estudam proposta e impasse na NBA continua (Foto: Jessica Rinaldi/ REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Mais uma maratona de negociação entre dirigentes e jogadores chegou ao fim sem que o impasse da NBA fosse resolvido. Após cerca de 11 horas de negociação, o encontro da última quinta-feira terminou sem acordo. Desta forma, a paralisação, que já dura mais de quatro meses, segue assombrando o basquete norte-americano.

A reunião da última quinta teve novamente cara de ultimato. Os dirigentes fizeram uma proposta, não revelada, aos jogadores, que, após muita conversa, pediram um tempo para se decidir. Eles não estariam satisfeitos com alguns termos do contrato e, com isso, esperam negociar alguns termos em novo encontro, que deve ocorrer na próxima semana.

O comissário da NBA, David Stern, informou que está tudo pronto para o início do campeonato 2011/2012. Caso a decisão dos atletas seja positiva, a temporada será iniciada no dia 15 de dezembro e contará com 72 partidas para cada equipe - em vez das tradicionais 82.

No entanto, se não houver acordo novamente, há uma grande chance de a competição sequer ser realizada. Isso porque os representantes da liga já avisaram que esta é a última proposta que será feita por eles. "Não posso presumir ou prever o que os jogadores farão. Mas posso esperar, e espero que os eventos da próxima semana nos levem a uma temporada de 72 jogos, começando no dia 15 de dezembro", disse Stern.

Armador do Los Angeles Lakers e presidente da Associação dos Jogadores de Basquetebol Nacional (NBPA, na sigla em inglês), Derek Fisher apontou que a proposta não agradou aos atletas, que tentarão algumas mudanças para selar o acordo. "A proposta não resolveu inteiramente todos os pontos conflitantes, que achávamos extremamente importantes para fechar o acordo. Então decidimos encerrar por agora, dar um passo atrás", afirmou.

Representante dos jogadores e diretor executivo da NBPA, Billy Hunter também não demonstrou otimismo com o acerto. "Não é a melhor proposta do mundo, mas eu tenho a obrigação de ao menos apresentá-la aos nossos membros, então é o que vamos fazer", declarou.

De acordo com a imprensa norte-americana, o principal entrave das negociações já não é mais a divisão das receitas da NBA. Jogadores e liga já teriam chegado a um acordo quanto a isto, de cerca de 50% para cada lado. Questões menores, como o sistema de teto salarial, seriam, agora, o principal ponto de conflito.

A NBA está paralisada desde o dia 1.º de julho, quando venceu o antigo acordo com os jogadores e a liga exigiu mudanças para renová-lo. Por conta do impasse, o primeiro mês do campeonato 2011/2012, que começaria no dia 1.º de novembro, e metade do segundo, em dezembro, já foram cancelados.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email